Seguidores

2010/05/15

Desamorers




"Desamores"


Vou me cobrir de seus sonhos,
Voltar a lhe descobrir!
Sorrir pro mar e o horizonte,
Fingir que nada na vida tem fim!

Vou nadar em alto mar, sorrir, fugir, mentir...
Antes que, tudo nasça, acorde e se lembres.

Que amaste a vida e não á mim!



Czar D’alma, escritor e poeta.

Quando a chuva cair



OLá, Queridos(as)! Estamos trazendo mais essa novidade, para compartilhar com todos vocês! Espero que gostem, compartilhem com amigos, familiares e pessoas com questões afins!
No mais, fica aqui meu agradecimento de sua visita e ou, participação!
Um beijo carinhoso à todos, Shalom & carpe diem!

sem mais,

Julio Cezar, vulgo, Czar D'alma. (escritor e poeta)

Obrigado!

Hoje eu sei o que é o amor.

Hoje eu sei o que é amar!


Pelas pedras e pontes que passei
Nada me fez feliz ao lhe encontrar.
Beira mar, rotas de marujos, solidões.
Questões de quem já nem sei!

Pelas pedras rolantes que pisei
Meus amigos já não me visitam mais
A maldade é um porto e a solidão: Alcatraz!

Por mais caminhos lindos e belos que pisei...
Foi nos seus braços, sim que, me realizei!
Na pedra da saudade, frente ao mar...
Uma sereia me chama, com seu rosto...


Hoje eu sei o que é amar!




Czar D’alma