Seguidores

2013/02/16

“Em tempo” – Czar D’alma.


 “Em tempo” – Czar D’alma. 




“Em tempo” – Czar D’alma



Em tempo, dá tempo...
De correr atrás de quem
Realmente seu coração arde
E quer muito bem.




Em tempo, acorde...
A quem tu amas tu deves
Ir atrás e dizer antes
Que o tempo de você os leves.

Em tempo e agora
É o momento não jogue fora
Por que o amor não se acha em qualquer história
É dia ou mesma a noite quando seu coração aflora.




Que ame e dê vexame
Pois haverá tempos de sequidão
E a mente por amor procura
Seja agora a tua vida não mais tão escuridão.

Em tempo te digo
Que os que não amam não entendem
Que pra se viver se arde
Dentro da direção mesmo sem sentido.




Que tua vida seja linda
Que seja doce teu acordar
Por que o momento é agora
De se doar a quem tu estás a amar.




Não te envergonhes te entregue inteira
Essa pessoa que há em ti tem de ser verdadeira.
Quando percebes que isso a tua vida procura
Em cada frase que não percebe a besteira




Vá atrás e diga o quanto tu quer
Seja essa alma a tua parte
E que te entregues à coisa da mulher
O tempo passa e verás a força da alma refém é.




Sei que o tempo é curto a vida também
Quando se ama a gente percebe
Que o nosso caminho não nos pertence...
Ame e deixa o amor brilhar em ti, meu amor, meu bem.
  


                                                                                                                  
Em tempo... Sorria. Agigante tua alma dessa euforia
Não percas tempo com quem não sabe disso a alegria
Em tempo de amor os homens não sabem o que dizem
Mas, quando o coração clamar esse torpor verá como riem.




Seja tu mesmo a dona de teu querer
Domina a sentença, mas não deixa de viver
Quando os lábios se tocam e tudo longe estiver
Lembre-se que é tempo de ver e gozar a força estás a reter.




Do amor, quando esse é da vida o melhor que tiver.





Em tempo...





“Em tempo” – Czar D’alma


Postar um comentário